Blog

Você sabia que apneia do sono é uma causa de hipertensão?

By 19 de agosto de 2021 No Comments

Diagnosticar e tratar a apneia do sono é muito importante: ela está associada ao aparecimento de hipertensão e ao aumento do risco de morte súbita e mortalidade cardiovascular. Apneia do sono é uma causa de hipertensão.

 

A apneia do sono é um distúrbio do sono em que a pessoa para de respirar durante o sono; essa pausa na respiração diminui a concentração de oxigênio no sangue e pode ser grave.

 

Geralmente, as pessoas acham que é apenas um ronco ou ruído da respiração, mas é pode ser mais grave do que isso. A consequência destas interrupções é a sonolência durante o dia porque a pessoa não tem um sono reparador. Esta sonolência pode prejudicar o desempenho da pessoa no trabalho e na relação com as pessoas e até ser causa de acidentes de trânsito. O diagnóstico é realizado pelo exame da polissonografia que registra parâmetros como os batimentos cardíacos, a atividade cerebral, o movimento dos olhos, a respiração e o nível de oxigênio no sangue e detecta as apneias. O tratamento envolve perder peso, corrigir distúrbios respiratórios e o uso do CPAP, sigla para pressão positiva contínua nas vias aéreas, em inglês. Como o nome sugere, trata-se de uma máscara que cobre o nariz e a boca e joga o ar para as vias respiratórias.

 

Fatores de risco da apneia do sono

 

apneia do sonoÉ preciso tentar prevenir ao máximo a apneia do sono; portanto, ficar de olho e evitar o que pode causá-la é fundamental:

 

  • Excesso de peso

  • Maxilar inferior encurtado que empurra a língua muito para trás, tapando a garganta

  • Aumento das amígdalas e adenoides

 

Todos esses fatores também influenciam a hipertensão e, por consequência, os problemas cardiovasculares. Sendo assim, os malefícios estão atrelados e é preciso levar um estilo de vida saudável para evitar maiores problemas de saúde.

 

Alguns fatores podem agravar a apneia:

 

  • Álcool em excesso

  • Tabagismo

  • Dormir de barriga para cima

  • Uso de sedativos de forma equivocada/exagerada

 

Estudo confirma os perigos da apneia do sono

 

Em um estudo publicado pela BMJ Open Respiratory Research em junho, pesquisadores conduziram uma revisão sistemática da literatura e meta-análise para estimar o risco de mortalidade cardiovascular e por todas as causas em indivíduos com apneia obstrutiva do sono.

 

Após a observação baseada em 22 estudos com mais de 40 mil participantes, os pesquisadores descobriram que a apneia do sono estava associada a todas as causas de morte súbita e condições cardiovasculares, incluindo hipertensão, doença arterial coronariana, coração congestivo falha, arritmias, entre outros.

 

De acordo com o documento, essa associação pode ser explicada pela influência que o sistema nervoso tem no ciclo do sono das pessoas. A apneia do sono resulta em hipóxia intermitente e dessaturação de oxigênio durante o sono, o que pode causar superexcitação do sistema nervoso central, aumentando o fluxo de ar. O relacionamento complexo entre o sistema nervoso simpático e autônomo causa um aumento transitório em ambos, na pressão arterial sistólica e diastólica durante as apneias.

 

Houve uma relação dose-resposta significativa entre a gravidade da apneia do sono e o risco de morte e apneia do sono grave. A idade avançada foi um fator contribuinte significativo na relação entre ASO e mortalidade.

 

Não ignore os sinais do seu corpo

 

Se você perceber que está acordando cansado, que não está tendo uma boa noite de sono, ou acha que está, mas acorda com a boca muito seca, consulte seu médico. Especialmente quando a pessoa dorme sozinha e não tem alguém que possa perceber os sinais, é indicado passar pelas consultas de rotina, e levar seus sintomas e dúvidas para que, assim, o médico possa investigar.

 

Não ignore os sinais do seu organismo. Preste atenção em si mesmo e cuide-se!

Decio Mion

About Decio Mion