Blog

Quercetina reduz rigidez de artérias causada pela hipertensão

By 24 de setembro de 2020 No Comments

Talvez você nunca tenha ouvido falar em quercetina, um flavonoide responsável por dar cor aos vegetais, mas recentemente descobriu-se que a substância oferece um enorme benefício para a saúde. Sua ingestão por meio de uma boa dieta já era recomendada; agora, com um estudo realizado pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP), da USP, sabemos que ela também diminui os malefícios que a hipertensão provoca nas artérias.

 

Como todos os estudos que estão no inicio, os resultados ainda são experimentais. Isso significa que ainda não foram testados em humanos; os testes foram realizados em animais de laboratório hipertensos.

 

O tratamento com quercetina sobre as paredes das artérias aortas dos animais foi realizado durante três semanas, e então os pesquisadores puderam avaliar os resultados promissores. Sendo assim, não podemos concluir que os bons efeitos observados resultarão na reversão total da hipertensão.

 

Hipertrofia vascular

 

Um dos fatores analisados pelos pesquisadores foi o de uma metaloproteinase da matriz, chamada MMP-2. Trata-se de uma enzima que renova as células de diversos tecidos. Nos hipertensos, a enzima causa hipertrofia vascular, ou seja, o estreitamento da parede arterial. Como consequência, o coração precisa trabalhar mais para fazer com que o sangue circule pelo corpo. A boa notícia é que foi possível observar uma diminuição da atividade da MMP-2, causando um efeito de remodelamento da aorta dos ratos estudados.

 

O estudo é da professora Michele Mazzaron de Castro, do Departamento de Farmacologia da FMRP, e tem como objetivo investigar o remodelamento e as disfunções cardiovasculares que a hipertensão arterial provoca. Dentro disso, o foco é nas ações dos flavonoides no controles das disfunções.

 

Alimentos ricos em quercetina

 

Para já fazer a sua parte e ter uma alimentação rica em quercetina, você precisa caprichar nas frutas e vegetais! Exemplos:

 

  • Maçã;

  • Cebola;

  • Cereja;

  • Alcaparras

  • Brócolis;

  • Pimentão;

  • Uva;

  • Mirtilo.

 

Vale lembrar que não pode exagerar no sal!

 

Acesse o artigo completo, publicado em inglês na revista Aterosclerose, aqui.

Decio Mion

About Decio Mion