Blog

Dieta rica em proteínas pode prejudicar até mesmo rins saudáveis

By 5 de fevereiro de 2020 No Comments

Dois estudos recentes revelam que uma uma dieta rica em proteínas pode prejudicar até mesmo rins saudáveis de acordo com um artigo publicado no portal médico Medscape, em novembro do ano passado. Dietas desse tipo são, frequentemente, recomendadas por diversos profissionais para a perda de peso e até mesmo saudabilidade.

 

Os estudos são da Holanda e Coreia e foram publicados online, originalmente, no Nephrology Dialysis Transplantation. Estudos anteriores já haviam sinalizado que uma dieta rica em proteínas poderia prejudicar os rins e, por isso, nefrologistas já recomendavam uma dieta com pouca proteína a pacientes com tendência a ter doença renal crônica.

 

O artigo diz que acreditava-se que obter muita proteína ajudaria a manter o músculo magro e reduzir a massa gorda. Entretanto, de acordo com esses dois estudos e outros dados coletados, é o momento de quebrarmos esse tabu e esclarecer que uma dieta rica em proteínas não é tão segura como diziam, e que pode sim prejudicar rins saudáveis, resultando em declínio mais rápido da função renal.

 

carne proteínas rinsAlém disso, é preciso evitar a recomendação da alta ingestão de proteínas para perda de peso em pacientes obesos ou diabéticos ou, ainda, àqueles com problemas cardiovasculares ou com apenas um rim.

 

De acordo com o estudo holandês, o risco de doença renal crônica é ainda maior em indivíduos com diabetes. Já o estudo coreano explica que a alta ingestão de proteínas aumenta o risco de hiperfiltração renal que pode ir lesando o rim.

 

Por fim, o próprio artigo destaca que países ocidentais consomem mais proteínas do que o necessário, principalmente a população adulta. Em média, o consumo é de 20% a 25% ou mais do consumo total de energia, enquanto o recomendado pela maior parte das diretrizes é de 10% a 15% do consumo total.

 

Confira o artigo em inglês.

 

Fique de olho na sua proteína!

 

A proteína é, na verdade, uma substância formada de um conjunto de aminoácidos ligados entre si; são feitas de moléculas de carbono, hidrogênio, oxigênio e nitrogênio.

 

Ela está amplamente presente no cardápio do brasileiro:

  • Proteínas animais: carne vermelha;peixes; ovos; leite; queijo e iogurte;

  • Proteínas vegetais: feijão; ervilha; soja; lentilha; nozes e grão-de-bico;

  • Proteína sintética: suplemento alimentar, como o Whey Protein.

 

Fique atento à composição das suas refeições: quanto mais equilíbrio no prato, mais equilíbrio na vida!

Decio Mion

About Decio Mion